Encerramento de escolas contribui para a desertificação do interior


António Galamba critica o anúncio do encerramento de 311 escolas do primeiro ciclo por se tratar de uma “estratégia errada”, que contribui para a desertificação do interior.

“O Governo continua a tratar o interior de forma inaceitável”, salienta o Secretário Nacional do Partido Socialista, António Galamba, acrescentando que faixa interior de Portugal “não pode ser vista como um fardo, tem de ser vista como uma oportunidade”.

António Galamba denuncia que o encerramento não está a ser feito em articulação com os municípios, como foi veiculado pelo Governo. “Ao contrário do que está a ser dito, não foi por vontade, nem  com a anuência de muitos dos municípios. Foi imposto por parte do Governo o encerramento destas escolas com menos de 21 alunos, o que é mais um contributo para a desertificação e para o abandono do interior”, sublinha.

]]>